A cada dia, a pesquisa e tecnologia ajudam o setor da construção civil a diminuir custos, otimizar processos e atingir resultados diferentes, algo essencial em um setor tão competitivo.

A inventividade na área pode ser vista a partir da utilização de novos materiais, da reinvenção de técnicas construtivas e da adoção de novas abordagens para a preservação do meio ambiente nas obras, entre outros.

INOVAÇÕES CONCRETAS

Material fundamental na construção civil, o concreto está sempre sendo renovado.

Uma dessas inovações é o concreto translúcido, um material composto por 5% de fibras óticas e que permite a passagem de uma pequena fração da luz externa, ajudando a reduzir a utilização da luz artificial e, por consequência, do consumo de energia elétrica. O concreto translúcido também promete ser até 10 vezes mais resistente que o concreto tradicional, suportando aproximadamente quatro toneladas por centímetro quadrado, segundo pesquisas.

Uma outra evolução é o concreto luminescente, que brilha no escuro nas mais diferentes cores e pode ajudar na construção de paisagens diferentes em edifícios e estradas, por exemplo. A criação do professor José Carlos Rúbio da Universidade Michoacana, México, utiliza como base o cimento comum e adiciona a este um composto que permite o surgimento de cristais no concreto. Estes cristais absorvem a luz solar durante o dia e liberam a energia acumulada durante a noite.

IMPRESSÃO 3D

A impressão 3D é uma técnica que tem ganhado grande destaque nos canteiros de obras, com um crescente interesse de desenvolvimento de projetos com a tecnologia, especialmente em países desenvolvidos.

Na China, país pioneiro a usar a impressão 3d na construção civil, já existem equipamentos capazes de imprimir um prédio inteiro, além da possibilidade de se fabricar 10 casas em 24 horas por uma única impressora reutilizando material excedente de outras obras.

SENSORES

Os wearables, instrumentos vestíveis que utilizamos no dia a dia, como os relógios inteligentes, estão sendo incorporados à rotina das obras visando um incremento na segurança dos trabalhadores.

Em diversos países da Ásia e nos Estados Unidos, capacetes inteligentes já monitoram impactos, mesmo que microscópicos, na cabeça dos trabalhadores. Relógios de pulso também monitoram a temperatura corporal e a frequência cardíaca dos operários, diminuindo incidentes causados por exaustão.

Existem ainda diversas outras tecnologias, como o contrapiso autonivelante, painéis solares inteligentes e inovações na construção modular, que estão continuamente transformando o modo como o nosso mundo é projetado e construído!

Voltar