Para conseguir a casa dos sonhos (reformando ou construindo do zero) é bom planejar, avaliar todo o processo e ser capaz de tomar decisões cortando despesas desnecessárias.

Seguem algumas dicas para economizar dinheiro sem perder a qualidade da construção:

  1. Questione os projetos: Não tenha vergonha de questionar qualquer coisa que você não entenda.
  2. Faça vários orçamentos e negocie: A compra dos materiais deve ser realizada de forma planejada. Faça orçamentos em vários fornecedores e compre o maior número de itens possíveis de uma só vez. Assim, você consegue negociar desconto e prazo para pagamento. Caso não haja espaço para guardar tudo é só solicitar que a entrega seja feita parcialmente.
  3. Fique de olho na escolha dos acabamentos: Nem sempre o mais caro é o mais indicado. Conheça, pesquise, visite lojas e pergunte para os profissionais o que utilizar. Itens como pisos, azulejos, luminárias, maçanetas de porta podem variar muito de preço. Há vários modelos com preços e acabamentos bem variados. Amplie suas opções.
  4. Pense verde: Além do custo de construção, você deve pensar no que vai gastar depois, quando for morar. Alguns materiais sustentáveis podem custar um pouco mais caro, mas farão você economizar dinheiro nas contas de energia e água.
  5. Escolha bem os profissionais que farão os serviços para você: Ha duas regras básicas para não errar feio com contratação do prestador de serviço: checar as referências e entrevistá-lo antes de contratar.
  6. Faça você mesmo: Se você tem tempo e algumas habilidades (só você sabe quais!), vale a pena um esforço extra e fazer você mesmo algumas partes da obra. Mas, atenção: pesquise antes como fazer!
  7. Faça somente o necessário ou planeje em etapas: Em construção, mais metragem quadrada é igual a mais dinheiro. Seja racional para tomar as decisões e não se empolgue com novidades e coisas bonitas se elas não estão dentro dos seus planos, nem do seu orçamento. Fique atento para que o tamanho da obra e os custos não fujam do seu controle.
  8. Prefira contratar um arquiteto ou engenheiro: O orçamento pode ser curto, mas contratar um técnico é uma maneira inteligente de ser eficiente na sua obra. Especialmente se a obra que você pretende executar pode colocar sua vida ou a estrutura da construção em risco, chame um arquiteto ou um engenheiro. Caso contrário, você pode ter mais dor de cabeça do que economia.
Voltar